SINEEPRES PARTICIPA DE ENCONTRO DO SETOR DE SERVIÇOS EM CURITIBA.

SINEEPRES PARTICIPA DE ENCONTRO DO SETOR DE SERVIÇOS EM CURITIBA.

 

O SINEEPRES participou na última quarta-feira(16/2), do evento “A importância do setor de serviços para a geração de empregos no país”. O encontro foi promovido pela Fenaserhtt – Federação Nacional dos Sindicatos de Empresas de Recursos Humanos, Trabalho Temporário e Terceirizado e pelo Sindeprestem/PR – Sindicato das Empresas de Prestação de Serviços a Terceiros, Colocação e Administração de Mão de obra e de Trabalho Temporário no estado do Paraná.

Contando com a participação de dirigentes de várias entidades patronais e laborais do setor, e do secretário de estado do Trabalho, Ney Leprevost, os dirigentes debateram os desafios que a categoria terá neste ano eleitoral.

 

Paulo Rossi, presidente do Sineepres, falou sobre a importância do setor para os trabalhadores, pois a terceirização – em especial o trabalho temporário, é a porta de entrada dos jovens no mercado de trabalho. Rossi disse ainda que chegou a hora do setor de serviços assumir o protagonismo no estado e no Brasil. “Não é justo que nós, trabalhadores e o setor produtivo não sejamos ouvidos pelas autoridades. Queremos ter voz junto ao poder público em temas que afetam o nosso setor”.

Para o presidente da Fenaserhtt, Vander Morales, a ideia do encontro foi reunir estratégias de ação conjunta em defesa do setor, especialmente a desoneração da folha de pagamento, a proteção da reforma trabalhista e da lei de Terceirização. “Precisamos ficar atentos com algumas propostas esdrúxulas por parte de alguns pré-candidatos à presidência que defendem a revogação de leis que protegem as empresas e os trabalhadores. A Lei da terceirização é um marco regulatório do setor, e não podemos por a perder essa conquista que foi liderada pela Fenaserhtt e seus sindicatos filiados”.

Danilo Padilha, presidente do Sindeprestem/PR, fez uma explanação sobre o setor de serviços no Brasil, e a importância na geração de empregos. Dados do IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística apontam que o crescimento do setor em 2021 foi de 10,9%, um recorde histórico, ainda mais visível depois da retração econômica provocada pela pandemia de covid-19. O setor de serviços respondem atualmente por cerca de 70% do PIB brasileiro. “Precisamos aumentar nossa representatividade no Congresso Nacional, pois se faz necessária a defesa das nossas bandeiras que geram empregos e dignidade às pessoas”, concluiu o presidente do Sindeprestem/PR.

Ao final do evento, foi aprovada pelos presentes a elaboração da “Carta de Curitiba”, com propostas a serem defendidas pelo setor de serviços aos futuros candidatos a governador e presidente da República.

 

 

Previous
Next

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 × dois =