Sindicato dos Empregados em Empresas de Prestação de Serviços a Terceiros, Colocação e Administração de Mão-de-Obra, Trabalho Temporário, Leitura de Medidores e de Entrega de Avisos no Estado do Paraná.

Rua Nilo Cairo, 450 - Centro - Curitiba/PR - CEP: 80060-050 - Telefone: (41) 3014-7331
Filiado à:

FENASCON empossa nova diretoria

 FENASCON empossa nova diretoria

femaco-001.jpg

 

 

O presidente da Fenascon, Roberto Santiago (E), tem na vice-presidência da entidade o paranaense Paulo Rossi

 

O presidente do Sineepres, Paulo Rossi é o novo vice-presidente nacional da Fenascon - Federação Nacional dos Trabalhadores em  Empresas Prestadoras de Serviços, Asseio e Conservação e Trabalho Temporário.  A posse da nova diretoria  foi dia 30/01, na cidade de São Paulo (SP).

O novo presidente da federação é o sindicalista e ex-deputado federal Roberto Santiago (PSB/SP), e na vice-presidente o paranaense Paulo Rossi, que, além de presidir o Sineepres/PR (sindicato que representa os empregados do setor de serviços, recursos humanos e trabalho temporário), preside a seção Paraná da  União Geral dos Trabalhadores (UGT), maior central sindical no estado do Paraná.

femaco-002.jpg
Nova diretoria da Fenascon, empossada recentemente em São Paulo (SP)

Ao ser empossado, o novo vice-presidente da Fenascon, Paulo Rossi, agradeceu a confiança e enalteceu o trabalho do então presidente, Moacyr Pereira (que assumiu a presidência da Conascon), e, em especial, a indicação do presidente da Feaconspar, Manassés Oliveira. Rossi lembrou que a Fenascon representa mais de 3 milhões de trabalhadores terceirizados no país, dentre os quais destacam-se os empregados em empresas prestadoras de serviços, recursos humanos, trabalho temporário regidos pela Lei 6.019/74, asseio e conservação, serviços auxiliares de transporte aéreo, dentre outros. "Vamos auxiliar a diretoria na organização dos trabalhadores do segmento em todos os estados. Também precisamos lutar para alterar pontos da reforma trabalhista proposta pelo governo Temer (PMDB), que visa precarizar as relações de trabalho. Com a experiência política do companheiro Roberto Santiago no Congresso Nacional, aliados à UGT e Conascon, temos a convicção que as categorias abrangidas pela Fenascon serão bem representadas", concluiu Rossi.

femaco-003.jpg
Reunião de trabalho da nova diretoria da Fenascon traça o
planejamento 
da entidade para 2017

Post Mario de Gomes
Em 31/01/2017
Fotos: Fabiano Polayna/AI-Femaco-SP